Mérito e Renascimento

Luang Pu Uthai fala sobre mérito e renascimento.

É possível notar claramente como é diferente a estratégia utilizada para motivar as pessoas a praticar o Dhamma. No ocidente, onde em geral as pessoas que se interessam por budismo possuem educação formal e são mais intelectualizadas, a abordagem mais comum é falar sobre sabedoria e auto-conhecimento, já no oriente onde a maioria das pessoas interessadas são de origem simples e nem sempre possuem educação formal, o mais comum é falar sobre carma e sobre nascimento em reinos celestiais, mas ainda assim, o modo e a importância dada à prática continuam sendo os mesmos, e quem tiver acesso a uma tradução mais completa do Tipitaka vai notar que mesmo o Buddha utilizava ambos os approachs em situações diferentes. Luang Pu Uthai é discípulo de Luang Pu Fan e Luang Pu Mahā Bua (esses por sua vez eram discípulos de Luang Pu Mân).

Notas:

  • Fazer mérito: o termo “fazer mérito” é bastante amplo, significa todo tipo de coisas como praticar meditação, estudar o Dhamma, fazer doações, recitar suttas, prestar reverência a imagens do Buddha, ajudar a limpar o monastério, ou qualquer outra atividade que gere bons estados mentais e bom carma para aquele que realiza.
  • Memória: na Tailândia é comum traduzirem “sañña” como “memória”, quando o mais comum em outros locais é “percepção”.
  • Aquele que sabe: essa é uma expressão comum na Tailândia, se refere à capacidade de estar ciente, sati. É comum os mestres ensinarem “Não sejam aquele que pensa, sejam aquele que sabe!”, significa que o praticante deve focar em sati e deixar os pensamentos passarem.
  • Três mundos: os reinos celestiais, o reino humano e os reinos inferiores.
  • Quatro mundos inferiores: inferno, fantasmas, asuras e animais.
Baixe a transcrição deste ensinamento: Versão PDF / Versão ePub

3 comentários sobre “Mérito e Renascimento

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.